29 outubro, 2007

Último para o caminho



Foi no «Expresso» da semana passada que li este texto: «...De que serve um pensamento guardado, um conhecimento não testado, uma revolta calada ou um afecto que não encontra forma de se exprimir?» E mais à frente «...Não serve de nada». São palavras retiradas de um livro que compila alguns textos deste blog. Lembrei-me das razões porque comecei este.
Caneta sobre A5.

5 comentários:

Eduardo P.L. disse...

José,

queira me desculpar, a Blogagem Coletiva pela Paz é dia 1º de Novembro. Terá mais dois dias para o desenho.
Com o problema que tive com o meu PC, troquei as bolas, e me enganei na data.

Mil desculpas!

Forte abraço,

PMBC disse...

.. e a oliveira até dança nesta óptima composição.

hfm disse...

Se partilharmos com 1 só já valeu a pena. Gostei deste caminho.

Anónimo disse...

...a oliveira dança e as azeitonas caiem no chão.
Galeota

intruso disse...

curiosa associação de ideias+desenho

(excelente)

abraço