23 abril, 2009

Livros



Hoje é o Dia Internacional do Livro e dos Direitos de Autor. Faz sentido ainda falar em direitos de autor? Pelo menos na Net. Para estas crianças, da idade da minha filha, dificil é explicar que o download ilegal, acto para elas tão natural como comprar um livro, um cd ou um DVD, é estar a roubar. Mas também já fomos roubados durante tempo suficiente. Ou não?

6 comentários:

roserouge disse...

Não estão a roubar nada. Se isso fosse ilegal, não seria tecnicamente possível fazer isso. A indústria está toda virada para aí. Senão, para quê inventar o RapidShare? Qualquer dia já não se usa o CD nem o DVD. Por isso é que estão a dá-los com revistas e jornais. Os Massive Attack dizem que já não vale a pena fazer albuns. Deixa a miúda downloadar à vontade, rsrsr...

expressodalinha disse...

Exactamente. Os discos hoje são para angariara espectáculos, ao contr+ário do que era dantes. Belo desenho...

Pedro disse...

Eu tenho alguns desenhos teus colados à parede à frente do estirador... estari ilegal?

Conceição Duarte disse...

Muito bom que lembrou! Parabénssssssssssssssssssssssssssssssssss é o começo de tudo! Até chegarmos aqui,,, bj, con

Maria disse...

Viva!

Nao tem nada a ver com o post mas...

Confirmo minha vontade de ir ao Workshop embora de Reguengos para Monsaraz não haja transporte ao fds. Só consigo transporte de Lx para Reguengos e vice-versa ao fds. Caso arranje boleias de R.M. para Monsaraz e vice-versa para pernoitar, irei com mt gosto.

Se o José Louro ou alguêm tiver disponibilidade para tal, agradeço imenso, do fundo do coração :-) Senão, logo se vê...talvez levando a bike...vou ver se dá.
Para a semana dou mais noticias.

Bom fds :-)

ma grande folle de soeur disse...

à espera de braços cruzados... uma vez alguém me explicou que as pessoas que se colocam de braços cruzados perante as outras o fazem numa atitude de defesa, protectora, ... será? ;)