21 janeiro, 2009

Aloé



Só soube o nome outro dia. Estão em todo o lado. Gostam do frio e da chuva. Ao contrário de mim.

12 comentários:

Eduardo P.L disse...

Ficaram bem no CADERNO. Sem frio e sem chuva!

zoom disse...

muito bom... (houve um registo no meu blog que nao eram grafittis, eram registos um caderninho do género destes)
ricas flores intemporais!

ma grande folle de soeur disse...

Fenomenal este desenho. O aloé vera tb é sobejamente conhecido pelos seus efeitos benéficos sobre a saúde...:)

hfm disse...

Está óptimo com ou sem chuva!

intruso disse...

muito expressivo, o aloé com carro em fundo!

abraço

expressodalinha disse...

Vera! É flor de Natal.

Pedro disse...

Parabéns!

JASG disse...

Passei a reparar neles depois de ter visto o desenho...

João Santos disse...

Gosto, muito.

João Catarino disse...

Vais ver que em fevereiro com um bocadinho de sol tal como no teu desenho atingem o vigor máximo.

Ana Campogrande disse...

Ficou lindo!
"Se eu pudesse trincar a terra toda e sentir-lhe um paladar seria mais feliz um momento...Mas eu nem sempre quero ser feliz. É preciso ser de vez enquando infeliz para se poder ser natural...Nem tudo é dias de sol, e a chuva quando falta muito, pede-se, por isso tomo a infelicidade como a felicidade, naturalmente..." Alberto Caeiro (excerto)

Galeota disse...

Na Av.Infante Santo, por cima de um painel de azulejos muito bonito...