18 junho, 2007

Dança











Até há pouco tempo, todas as semanas me reunia com meia dúzia de entusiastas do desenho no atelier do arquitecto Vítor Casimiro. Durante três horas desenhávamos nus, normalmente com o mesmo modelo. Uma vez apareceu uma colombiana (?) que dançava enquanto posava. Os desenhos eram necessariamente apontamentos rápidos porque o modelo não parava quieto. Foi das experiências mais engraçadas que tive com desenho de modelo. Dessa série de desenhos sobram-me estes que vou oferecer, tal como os outros todos. Uma vez que vou deixar de os ter comigo, decidi guarda-los aqui.
Lápis Conté sobre Clairefontaine A4.

12 comentários:

hfm disse...

Desenhar com o modelo em movimento - difícil, gratificante e, neste caso, interessantíssimo!

PMBC disse...

Parabéns. Os meus desenhos de figura continuam impostáveis.

Jenny disse...

I love the movement in these!

clotilde disse...

Parabéns!
Fiquei encantada!
Tem um movimento tão bonito.

Eduardo P.L. disse...

José, com o amigo Vincenzo fizemos muito isso, com modelo vivo. As aulas do escultor Israel Kislansky também algumas vezes usa essa prática. Os seus estão muito bons!

e.s. disse...

Parece que essas sessões fazem bem. Por acaso esse atelier não é nos coruchéus?

Computerarte disse...

Já passei por uma situação semelhante nas aulas de desenho do Escultor Quintino na Sociedade Nacional de Belas Artes em Lx onde o modelo nu não parava quieto! Foi uma experiência muito engraçada, mas não sei onde terei guardado os desenhos...isto são papéis por todo o lado!

Ainda bem que decidis-te guardar os desenhos aqui, gostei muito.
M.

Vieira Calado disse...

Não desfazendo nos outros, mas o 2º desenho é muito belo.

peri s.c. disse...

Caro José retribuo, agora por escrito, a visita que você fez ao Armazém. E fico contente de você ter gostado. Seu blog está lá nos meus favoritos faz tempo, admiro muito seu finíssimo trabalho, sempre venho aqui silenciosamente visitá-lo. E acho interessantíssimo este contato além do Atlântico, você está lá na companhia de mais 3 blogs aí de Portugal, todos ótimos. Abraço.

e.s. disse...

Fui a uma sessão num atelier nos Coruchéus, que devia ser desse arquitecto. Quando houver mais diz. É das coisas que fazem melhor à mão.

4ojos disse...

Buenos apuntes. Deberías recuperar el lápiz conté de vez en cuando

Penguin & Fish disse...

beautiful gestures.